domingo, 7 de julho de 2019

Colaborador: SALOMÃO SCHWARTZMAN

SALOMÃO SCHWARTZMAN era advogado, sociólogo e jornalista. Atuou principalmente em rádio e em televisão.

Era formado em Ciências Políticas e Sociais, pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo. Sua formatura foi em 1983.

Trabalhou também na imprensa escrita e em 1977, ganhou o “ Prêmio Esso de Jornalismo”.

Atuou na Rede Manchete de Televisão, tendo  sido âncora do programa jornalístico: “ Frente a Frente”. Fez ainda o “ Momento Econômico” e o programa musical: “Clássicos em Manchete”.

Trabalhou na TV Cultura( Fundação Padre Anchieta), tendo sido responsável pelas emissoras de rádio - Rádio Cultura AM e Rádio Cultura FM.

Em 2007, saiu da Cultura e foi para a Rádio Scala FM de São Paulo, onde apresentava o programa: “Diário da Manhã”. Mas a Rádio Scalla saiu do ar e, logicamente, Salomão saiu também.

Foi, em seguida, para a Rádio BandNews FM, nos cargos de colunista e cronista. Também teve um programa de televisão, que se chamava: “Salomão:” (e se lê: Salomão dois pontos), no canal de TV: BandNews.

A frase que ele sempre usou para encerrar seus programas era: “ Seja Feliz”.

Fonte: http://www.museudatv.com.br/biografia/salomao-schwartzman/

2 comentários:

Francisco José dos Santos Braga (compositor, pianista, escritor, tradutor, gerente do Blog do Braga e do Blog de São João del-Rei) disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Francisco José dos Santos Braga (compositor, pianista, escritor, tradutor, gerente do Blog do Braga e do Blog de São João del-Rei) disse...

No dia 6 de julho de 2019, fomos surpreendidos pela morte de dois ilustres brasileiros: músico João Gilberto e jornalista e sociólogo Salomão Schwartzman. O primeiro nascido em Juazeiro e o segundo em Niterói.
Impossibilitado de cobrir as duas ilustres personalidades ao mesmo tempo, prefiro dar destaque ao segundo, por seu passamento não ter recebido a devida reverência por parte da mídia, em comparação com a do primeiro que teve uma morte cheia de "glamour".
Sobre o seu modo de produção, Schwartzman disse numa entrevista que geralmente escrevia à noite, mas acordava cinco da manhã e lia novamente. "Ler um texto que eu considero ter ficado bom me rejuvenesce. Mas muitas vezes não sai nada, é o papel em branco. Outras vezes fico parado diante do computador, refém do vazio. Escrevo, apago tudo e depois recomeço. Mas sinto um orgasmo dentro de mim quando concluo que um texto meu está bem feito", afirmava com convicção.
O Blog de São João del-Rei sente-se honrado de prestar essa homenagem póstuma a um dos maiores jornalistas do Brasil, com uma crônica sobre a vida e a morte, quando âncora do programa Diário da Manhã na TV Cultura.

TEXTO DA CRÔNICA
https://saojoaodel-rei.blogspot.com/2019/07/cronica-de-salomao-schwartzman-propoe.html

Colaborador: SALOMÃO SCHWARTZMAN
https://saojoaodel-rei.blogspot.com/2019/07/colaborador-salomao-schwartzman.html

Cordial abraço,
Francisco Braga
Gerente do Blog de São João del-Rei